Obsolescência nos anos 2000

Com a chegada da internet e dos Smartphones, diversos produtos e serviços que costumavam ser extremamente populares há 15 anos atrás, tornaram-se obsoletos e saíram do mercado. O VHS foi substituído pelo DVD, que foi substituído pelo Netflix. Os CD’s, perderam espaço para os pen drives e agora para o Spotify. Câmera digital, GPS, telefone fixo, orelhão, despertador, agenda e até a televisão estão perdendo espaço para celulares com acesso a internet.

Será que tudo que conhecemos vai desaparecer e só a internet sobreviverá?

“A internet como conhecemos vai acabar. Existirão tantos endereços de IP, tantos aparelhos, sensores, coisas que você está vestindo, coisas com as quais você está interagindo que nem vai senti-la. Ela será parte da sua presença o tempo todo. Imagine que você entra numa sala, e ela é dinâmica. E com a sua permissão e tudo mais, você está interagindo com as coisas que acontecem na sala”

Eric Schmidt
Diretor do Google

Estamos no meio de uma revolução tecnológica e, com ela, novas descobertas estão aparecendo. Entre elas, a internet das coisas, que promete conectar todos os aparelhos do dia a dia à rede (como aparelhos eletrodomésticos, eletroportáteis, máquinas industriais, meios de transporte, etc). Ou seja, é possível que muito aparelhos que usamos com frequência hoje, desapareçam do nosso cotidiano em menos de 5 anos.

Mas, e o Rádio?

Quando determinados serviços possuem um diferencial, eles não perdem seu valor. Por exemplo, a televisão ainda tem um público muito grande, devido a interação, a praticidade e, claro, ao hábito de seus telespectadores. A TV ganhou fãs, que se encantam com a programação, acompanham as novelas e estão atentos as noticias. Mas, nem por isso, os programas são feitos da mesma forma que eram há 10 anos atras. Não é? Hoje temos toda a programação no site das emissoras, interatividade em redes sociais, além da abordagem de assuntos atuais, novelas com foco em tecnologia, notícias no aplicativo e, ainda, a transmissão dos programas através do site de grandes emissoras.

Toda a adaptação que a TV passou, o rádio também precisa passar.

É possível utilizar sistemas que transmitem ao vivo pelo site o que está acontecendo dentro do estúdio. Entrevistas, Reportagens, Sorteios.. Tudo isso pode ganhar espaço no mundo online. E, seu ouvinte poderá curtir sua programação, interagir com os locutores e participar ativamente de ações da rádio mesmo quando está no escritório fazendo seu trabalho no computador.

Conheça um sistema que transmite sua programação e clipes de música diretamente no site da Rádio!